segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

A Vida no Além

A Vida no Além
A Vida no Além
Sofrem (os espíritos errantes) por efeito das paixões cujo princípio conservaram, ou são felizes, conforme estejam mais ou menos desmaterializados. (Allan Kardec. O Livro dos Espíritos, questão 231.)

A situação do espírito, depois da morte, é consequência direta de suas propensões, para a matéria ou para os bens da inteligência e do sentimento. (Léon Denis. O Problema do Ser e do Destino, cap. 11.)


Tornado ao mundo espiritual, o homem bom goza dos esplendores da vida superior. Já o tímido encontra os lugares apropriados à sua imagem: angústias, incertezas, ambientes de pouca ou quase nenhuma vibração de luz.

Os maus, atuando em meio às baixas vibrações de luz, vivenciam as angústias próprias de seu estado mental.

Na Terra, como encarnado, o espírito deve buscar viver no bem constantemente. Nessa forma de agir, ele vai alicerçando, de modo objetivo, suas forças mentais, plasmando-as em meio a um grande aprendizado que caracteriza o espírito que se propõe a evoluir.


Aprendendo objetivamente, o espírito alicerça seu futuro espiritual. Como espírita, principalmente, vemos as grandes e poderosas missões criativas. Vivendo antecipadamente o mundo dos espíritos, a criatura encarnada, estimulada pelos pensamentos doutrinários, procura criar um mundo feliz ou em construção da felicidade, tornando a vida espiritual uma expansão natural do bem.

Que todos aqueles que têm a felicidade de conhecer a sempre amada Doutrina Espírita busquem trabalhar as forças internas para a construção do sentimento maior que é o amor, mas que também saibam construir a vida no Além, como consequência do próprio progresso espiritual.



Autor: Luís
Do livro: Em Torno de Léon Denis

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...