segunda-feira, 21 de agosto de 2017

A Lei dos Destinos

A Lei dos Destinos
A Lei dos Destinos
Homem, tu que caminhas neste mundo, confiante nas tuas forças e acreditando-te invulnerável a todo mal, a toda causa de perturbações e de dissabores, para e pensa: temos um destino a cumprir. Nossos pensamentos, palavras e atos têm a repercussão compatível com a força que emitimos ao agir. Caminharás na direção do que fazes e do que pensas.

Os pensamentos gerarão, em torno de ti, ideias, quadros que se materializarão, a pouco e pouco, até que fiques dominado por esses mesmos ideais.

Homens de bem elaboram seu futuro planejando ideias formosas e construtivas.

Homens voltados para o mal, ainda que temporariamente, fazem de seus atos mentais verdadeiras e horrendas paixões que os consomem.

Assim, cuida de tua vida mental:

• Não fales daquilo que ignoras;

• Não digas mal de ninguém;

• Evita confrontos desnecessários, por infantis;

• Não repitas afirmações alheias, antes de te assegurares de sua veracidade;

• Pensa no futuro que constróis, pouco a pouco, com os teus atos e tuas palavras;

• Repete, incessantemente, a palavra do apóstolo que nos manda pensar no próximo antes de afirmarmos nossa fidelidade a Deus (1 João, 4:20);

• Jamais assumas compromissos de que não darás conta no tempo necessário;

• Coopera com Deus, assegurando bondade, realização e forte determinação naquilo que te cabe na obra do bem;

• Sê bom, ao mesmo tempo que lúcido: repara no mar tranquilo, que demonstra poder, ao mesmo tempo que calma;

• Jamais entraves a vida de alguém;

• Segue sempre em frente, não olhando para trás, para as obras mortas.

Assevero-te que o teu destino não é joguete de espíritos levianos e maus: ele é construção diária de ti mesmo.

Jamais te excedas! E, olhando sempre para frente, em busca de tuas realizações, toma como modelo a Jesus e a um daqueles grandes instrutores que a humanidade conheceu, e segue adiante, modelando, a
cada dia, a tua própria imagem de espírito que caminha buscando Deus, criando seu próprio destino, belo, forte, sempre promissor, mas, acima de tudo, devotado construtor de si mesmo!



Autor: Luís
Do livro: Em Torno de Léon Denis.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...