terça-feira, 1 de janeiro de 2019

Prossigamos

Prossigamos
Prossigamos
Muitos dos que aqui estão, com dores e sofrimentos, com saudades e angústias, como se estivessem dominados pela tristeza; para esses, temos a dizer assim: “Escutem, irmãos, a saudade, no caminho, assemelha-se a uma estrada plana, algumas vezes, pedregosa, outras vezes, com várias protuberâncias que nos fazem tropeçar”.

A saudade é como uma flor: no alto do caule, a beleza, a grandeza, a manifestação de vida; mais abaixo da flor, o espinho, o aspecto externo feio. Assim, deves fazer da saudade não um objetivo de vida, mas uma pavimentação por onde chegarás, ao encontro do final de toda a tua trajetória. Esse encontro poderá ser comum amigo, com um irmão, com um grande amor, com Jesus... mas nunca, nunca deverá ser com a dor.

O homem, por mais que caminhe, por mais que ande, sempre encontrará motivos para ver a luz e a felicidade. Ele deve ter sempre em mente que o caminho da paz ainda é o melhor para ele. Assim, quando virmos ou ouvirmos falar de muitas dores, de muitas tristezas, de muitas saudades, de muitas angústias, só nos caberá dizer: “Prossegue”. O momento é de andarmos em estrada pedregosa; por isso procuraremos aplainar essa nossa estrada, para que ela se torne segura e nos leve a um objetivo maior.


Lembremo-nos da flor: não nos importemos com o espinho; o final é o que nos interessa: o fim é Deus, é o amor, é o amigo, é o irmão. Saibamos vencer o momento que estamos passando. Saibamos vencê-lo com equilíbrio, dignidade e certeza, sem saudades; saibamos, apenas, caminhar.

Deus há de nos ajudar a vencer, há de nos ensinar, e quando nós todos estivermos no fim da estrada, poderemos dizer, olhando para trás: “Venci”. Porque o espírito humano é assim: muitas vezes valorizamos problemas, quando, em realidade, eles são pequenos, muito pequenos, não são nada demais, nada além de nossas forças.

Que Deus nos ajude, abençoe e conduza, sempre, para a certeza da vitória final! Que Deus fique com todos!


Autor: Hermann
Do livro: Palavras do Coração, vol. 1.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...