domingo, 22 de dezembro de 2013

O amor de Jesus

O amor de Jesus
O amor de Jesus
“Tudo é fácil, àquele que crê e que ama; o amor o preenche de uma alegria inexprimível.” (O Evangelho Segundo o Espiritismo. Cap. I, item 10.)


Jesus é o Mestre do amor, do equilíbrio, da serenidade, e ao mesmo tempo da compaixão, valores esses que, associados, produzem o amor.

O amor que Jesus nos dispensa torna-nos capazes de prosseguir adiante, quando temos problemas por enfrentar, por sabermos que ele conduz a Humanidade toda, qual um enorme rebanho conduzido por seu pastor.

Compreensivo, ajuda-nos nos momentos de inquietações. Amoroso, ensina-nos, carinhosamente, sempre. Mestre, é capaz de sustentar-nos o ensino, a despeito de todas as dificuldades de assimilação. Condutor dos nossos destinos, prepara-nos sempre novas reencarnações ou novas oportunidades de aprendermos, com vistas ao nosso progresso. Tudo isso para prover o homem de um elemento tantas vezes renegado pela falta de compreensão.

Jesus nos ajuda, para promover nossa elevação e, consequentemente, nossa felicidade. Quantas vezes, brigamos, altercamos, defendemos pontos de vista que nem sempre são justos, por nos faltar a visão crística do assunto! Lutamos em nome da verdade, mas nem sempre a nossa verdade está do lado do Cristo. Por isso mesmo, cada um de nós deve ter O Evangelho Segundo o Espiritismo como seu livro de cabeceira; cada um de nós deve lutar pela emancipação de sua alma, estudar, pensar, definir sua vida em nome do amor cristão.


Lutemos, meus irmãos! Lutemos para implantar o Evangelho dentro de nós mesmos. Façamos o bem possível. Caminhemos as milhas necessárias, com aqueles que se dizem nossos perseguidores. Trabalhemos nossas ideias. Estudemos sempre o Evangelho, para sabermos como nos conduzir diante das inúmeras dificuldades da estrada.

Com a certeza absoluta de que o coração do Mestre há de nos conduzir e há de nos socorrer sempre, participemos ativamente da nossa Humanidade, dando nossa contribuição eficaz e feliz, para que o reino de Deus, que Jesus tanto lutou por implantar, seja, finalmente, instalado na Terra.

Autor: Balthazar
Do Livro: Pela Graça Infinita de Deus – vol. 1.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...