segunda-feira, 3 de março de 2014

Comunicação Espírita

Comunicação Espírita
Comunicação Espírita
Muitas pessoas se espantam e hesitam às primeiras dificuldades que encontram nas suas tentativas de se comunicarem com os espíritos. Elas se perguntam por que sua intervenção é coisa tão rara, tão pouco concludente, por que a Humanidade inteira não está familiarizada com um fato dessa importância.

Outras pessoas, prosseguindo suas pesquisas, obtêm provas satisfatórias e se tornam adeptos convictos. Todavia, elas objetam ainda que seus bem-amados do Espaço, parentes e amigos defuntos, apesar dos desejos ardentes e dos apelos reiterados, nunca lhes deram o menor testemunho de sua presença e esse insucesso lhes deixa uma ponta de dúvida, de penosa incerteza. É o sentimento que o próprio Sr. Flammarion exprimia numa publicação recente.

Ora, todo experimentador esclarecido explicará facilmente a causa dessas decepções. Vosso desejo de se comunicar com um espírito e um desejo semelhante deste não bastam. É preciso ainda que outras condições, determinadas pela lei das vibrações, estejam reunidas.


Vosso amigo invisível ouve vossos apelos e procura vos responder. Ele sabe que, para se comunicar convosco, é preciso que vosso cérebro físico e o cérebro fluídico dele vibrem em uníssono. Há aí uma primeira dificuldade. Seu pensamento evolui com muita rapidez para que vós pudésseis percebê-lo. Seu primeiro cuidado será, pois, reconduzir-lhe as vibrações a um movimento mais lento. Para isso, um estudo mais ou menos prolongado será necessário e as probabilidades de êxito variarão conforme as aptidões e a experiência do operador. Se ele fracassa, toda comunicação direta se tornará impossível e ele deverá confiar a um espírito mais poderoso ou mais hábil a transmissão de suas mensagens. É o que frequentemente acontece nas manifestações. Credes ter o pensamento direto de vosso amigo, enquanto ele apenas vos chega com o auxílio de um intermediário espiritual. Daí, algumas inexatidões ou obscuridades imputáveis ao transmissor e que vos deixam perplexos, enquanto que a comunicação, no seu conjunto, apresenta todos os caracteres da autenticidade.



Autor: Léon Denis
Do Livro: No Invisível

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...