sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Livre Arbítrio e Providência Divina

Livre Arbítrio e Providência Divina
Livre Arbítrio e Providência Divina
A sabedoria de Deus está na liberdade de escolher, que ele deixa a cada um, porquanto cada um tem o mérito de suas obras. (Allan Kardec. O Livro dos Espíritos, questão 123.)

A Providência é o farol aceso na noite para a salvação daqueles que erram no mar tempestuoso da vida… é o amor divino derramando-se em abundância sobre a criatura.
(Léon Denis. Depois da Morte, cap. XL.)

Deus, Providência; espírito, livre-arbítrio.

Através de muito tempo, discute-se sobre o amor de Deus, capaz de ajudar ao homem na sua caminhada infinita em busca do progresso, como se esse amor fosse uma força alheia ao propósito maior divino: o de fazer com que o espírito progrida sempre e alcance a perfeição tão logo lhe seja possível.

O espírito, em sua caminhada para o infinito, toma decisões; acerta, erra, aprende, complica-se pelos erros cometidos, mas, pelo exercício do livre-arbítrio, cedo ou tarde, ele alcança o patamar da evolução e, prosseguindo na sua trajetória infinita, alcança o progresso.

Em sua infantilidade, muitas vezes o homem pensa que tudo quanto conquistou e os bens espirituais que obteve são frutos de sua exclusiva competência. Esquece-se de que Deus, com Sua providência, o
tem ajudado e protegido, por querer vê-lo bem, elevado, enriquecido de experiências capazes de torná-lo apto diante do progresso das coisas.

Quando atingir as faixas da compreensão e da humildade, verá que suas conquistas se devem tão somente à bondade divina, que providenciou, em todos os instantes possíveis, o estímulo, as energias elevadas que o sustentaram, favorecendo-lhe a compreensão das forças que o cercam. Deus assim o quis. Deus assim o permitiu.

O homem, então, reconhecerá que foi encaminhado, sustentado, mantido de pé unicamente pela Providência Divina e que é essa força maior que o impulsiona para frente. Compreenderá, enfim, cedo ou tarde, que, apesar de exercer o livre-arbítrio, é a Providência Divina que o faz caminhar em busca do próprio progresso.



Autor: Luís
Do livro: Em Torno de Léon Denis

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...